Mídia

Procurando alguma matéria ou assunto específico?

O que é ágio e deságio?

O que é ágio e deságio?

Por: Eduardo Draghe
Tempo de leitura: 3 minutos

Os termos ágio e deságio são muito utilizados para indicar as condições aplicadas em um investimento ou em uma transação financeira, como suas taxas. O ágio é a diferença entre o preço nominal e o valor real, e o deságio, é o seu oposto, sendo a diferença entre o valor real e o nominal de determinado ativo em uma operação financeira.

O ágio significa na prática, que uma operação financeira está sendo negociada por um valor maior que o seu valor de mercado. Além de muito utilizado em produtos financeiros, o ágio pode ser notado em operações do nosso dia-a-dia, como em leilões, sendo a diferença entre o valor pago pelo comprador e o real valor de avaliação daquele objeto. O deságio significa o oposto do ágio na prática, sendo uma operação financeira que está sendo negociada por um valor menor do que o seu valor de mercado, e também podemos notar a sua presença no nosso dia-a-dia, como na venda de um carro, na qual o vendedor precisa do dinheiro rapidamente, e aceita receber um valor menor do que o real valor de mercado daquele automóvel.

Com isso, percebemos que o ágio é um aliado do lado vendedor de uma mercadoria ou produto financeiro, pois ele estaria recebendo um valor maior do que o real valor de mercado. Já o deságio, é um aliado do lado comprador, pelo motivo oposto.

Podemos perceber se um investimento está sendo negociado com ágio ou deságio observando a sua taxa de juros no momento da negociação, mas para ter mais confiança na sua análise, é necessário fazer uma cotação sobre o preço daquele ativo no mercado.

O ágio e o deságio são muito utilizados em produtos de renda fixa, sendo possível obter uma renda comprando determinado ativo por um valor menor do que ele realmente vale, e vendendo por um valor maior do que seu valor de mercado, podendo ser negociado antes do momento de vencimento da aplicação. Com isso, muitos consideram o ágio como um juros ou um lucro gerado por determinada negociação, e o deságio como um desconto sobre o valor de mercado.

Como visto, o ágio e o deságio são termos usados em diversas ocasiões, como em ativos financeiros, ou no nosso dia-a-dia. É crucial fazer uma boa análise sobre o valor daquele ativo, ou produto, para saber se estamos comprando ou vendendo por um valor maior ou menor do que o valor de mercado. Com isso, pode ser utilizada uma estratégia para ganhar um juros ou um lucro com essas operações, aproveitando oportunidades de deságio na compra e ágio na venda.